15/09/2020 às 18h04min - Atualizada em 15/09/2020 às 18h04min

Campo de lavanda em Pedra Azul se adapta para visitação de turistas

O Lavandário Pedra Azul está aberto desde 5 de setembro. Só é permitida a entrada com máscara no local e é disponibilizado álcool 70% aromatizado com lavanda

Fonte A Gazeta
No terreno também foi usado o composto resultante do plantio de cogumelos, que sobrava dos vizinhos, para adubar o canteiro de lavanda. Crédito: Divulgação Lavandário Pedra Azul

Os cinco mil pés de lavanda, num sítio em São Paulinho do Aracê, tingem de roxo a paisagem. Crédito: Divulgação Lavandário Pedra Azul

Gradualmente o turismo no Espírito Santo volta a funcionar com todas as medidas de prevenção ao  coronavírus. E para quem visita as montanhas, o Lavandário Pedra Azul tem sido parada certa. Aberto para visitação desde 5 de setembro, o empreendimento adotou todas as normas de prevenção para receber os visitantes com segurança. O uso de máscara é obrigatório e. pelo espaço, foram disponibilizados álcool 70% aromatizado com lavanda.

Os cinco mil pés de lavanda, num sítio em São Paulinho do Aracê, tingem de roxo a paisagem. O lavandário, que existe desde 2017, surgiu despretensiosamente quando a proprietária do sítio resolveu plantar apenas três mudinhas. Ela, que já conhecia os campos de lavanda da região de Provence, na França, aprendeu a mexer com a planta.

No terreno também foi usado o composto resultante do plantio de cogumelos, que sobrava dos vizinhos, para adubar o canteiro de lavanda. Os resultados foram ótimos, com o clima da conhecida Rota das Flores, ideal para a planta.

VISITAS

A lavanda é uma planta terapêutica conhecida desde a Idade Média, pelas suas propriedades antissépticas. Usada para lavar as ruas da Europa durante a peste negra, lavar roupas de cama, banhar enfermos, ela também começou a ser conhecida por ser repelente de insetos e diminuir pragas no campo e na cidade. A planta também é usada em chás, saches e até travesseiros, para acalmar o sono.
 
O lavandário é aberto para visitação as sextas-feiras, sábados, domingos e feriados, sem necessidade de agendamento. O local conta ainda com um bistrô aberto ao público. A visitação ao lavandário custa R$ 15
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »