14/09/2020 às 21h10min - Atualizada em 14/09/2020 às 21h10min

Menino de um ano morre após ser picado por escorpião em Pedro Canário

Davi Matos Rebonato chegou a ser socorrido e levado para o hospital da cidade. Ele ainda passou por outras duas unidades hospitalares em São Mateus, mas não resistiu

Fonte A Gazeta
Davi Rebonato, de 1 ano, morreu após ser picado por um escorpião. Crédito: Acervo Pessoal

Um menino de um ano de idade morreu após ser picado por um escorpião, neste domingo (13), em Pedro Canário, no Norte do Espírito Santo. Davi Matos Rebonato chegou a ser socorrido e levado para o hospital da cidade. Ele também foi levado para outras duas unidades hospitalares em São Mateus, para receber atendimento médico, mas não resistiu.

De acordo com o pai da criança, José Roberto Rebonato, a família estava reunida em um sítio no distrito de Vinhático, interior do município. A criança foi picada quando entrou em um cômodo vazio da casa. Momentos depois, o menino começou a chorar e a mãe viu o aracnídeo ao lado do menino. Ele logo começou a passar mal e apresentar vermelhidão no joelho.

SAGA PARA RECEBER ATENDIMENTO

O próprio pai levou o menino para o hospital de Pedro Canário. Segundo relato de Roberto, a atendente do local disse que a unidade contava com soro antiescorpiônico, mas meia hora depois um médico disse que não tinha. Na avaliação do pai, os minutos perdidos poderiam ter sido preciosos para salvar a vida de Davi.

Após ser atendido no hospital de Pedro Canário, ele foi transferido para o Hospital Estadual Roberto Silvares, em São Mateus. Na unidade, a criança teria recebido o soro antiescorpiônico e em seguida foi encaminhada para UTI infantil de um hospital particular da cidade, onde morreu.
 

Menino vítima de escorpião . Crédito: Acervo Pessoal

O QUE DIZ A SESA?


Em nota, a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) afirmou que o paciente recebeu todos os cuidados na emergência da pediatria do Hospital Roberto Silvares, sendo aplicado o soro antiescorpiônico e realizado os exames e medicações necessários para o quadro clínico.  A entidade esclareceu que devido à necessidade de internação em Unidade de Terapia Intensiva Pediátrica (UTIP), o paciente foi transferido para outro hospital, que fica a cerca de um quilômetro do Roberto Silvares.

Procurada pela reportagem, a Prefeitura de Pedro Canário ainda não se manifestou sobre o caso.

ES TEM UMA VÍTIMA DE ATAQUE DE ESCORPIÃO A CADA DUAS HORAS

A reportagem de A Gazeta obteve dados com a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) que mostram que, no primeiro semestre deste ano, 1.760 casos de picadas pelo aracnídeo foram registrados em todo ES. Uma média de um ataque a cada 2,4 horas.

A situação preocupa e pode ser agravada. Neste período do ano, em que as temperaturas tendem a voltar a subir, estes aracnídeos podem ser mais facilmente encontrados, de acordo com o biólogo Marco Bravo, professor e mestre em Gestão Ambiental.


No primeiro semestre deste ano, 1.760 casos de picadas pelo aracnídeo foram registrados em todo ES. . Crédito: Pixabay


De acordo com informações da Sesa, os casos de ataques por escorpião concentram-se mais nas regiões Norte e Noroeste do Espírito Santo (tratadas pela Sesa como regionais norte e central de saúde). A entidade explica que isso pode ser explicado pelas condições climáticas nas regiões, principalmente as temperaturas mais elevadas. Somadas, as duas regiões são responsáveis pelo registro de 1.538 casos no primeiro semestre de 2020. O que corresponde a 87,38% das ocorrências com escorpiões em todo Espírito Santo.

MENINA DE LINHARES FICOU EM ESTADO APÓS PICADA

Moradora de Linhares, também no Norte do Estado, Esther Castro de Jesus, de 4 anos, estava na casa da avó quando começou a passar mal, no dia 19 de agosto. Ela brincava no quintal da casa quando foi picada pelo animal sem que ninguém percebesse. Na hora do almoço, teve vômito e foi levada para uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Linhares. Mas no mesmo dia foi transferida para o Hospital Infantil em Vitória, onde chegou a ficar internada na UTI por 10 dias.

A menina recebeu alta hospitalar no dia 2 de setembro
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »