31/07/2020 às 12h02min - Atualizada em 31/07/2020 às 12h02min

Rio Novo do Sul registra quase 200 milímetros de chuva em 24 horas

Foram 196 milímetros de chuva no município entre esta quinta (30) e sexta-feira (31). Em Iconha, nível do rio subiu e água invadiu imóveis na região central da cidade

Fonte A Gazeta
Município de Rio Novo do Sul com trechos alagados após a forte chuva das últimas 24 horas. Crédito: Reprodução / TV Gazeta

A chuva que atinge o Espírito Santo desde esta quinta-feira (30) já registra um grande volume de água em alguns municípios. De acordo com a Defesa Civil do Estado, a cidade de Rio Novo do Sul, no Sul do Espírito Santo, foi a mais atingida nas últimas 24 horas, com um acumulado de 196.4 milímetros de chuva. Em seguida, aparece Alfredo Chaves com 146 milímetros e Santa Leopoldina com 112.96.

Chuva no ES
• Rio Novo do Sul - 196.40 mm
• Alfredo Chaves  -146.00 mm
• Santa Leopoldina - 112.96 mm
• Anchieta - 102.20 mm
• Viana - 89.77 mm
• Presidente Kennedy - 61.00 mm
• Domingos Martins - 51.28 mm
• Guarapari - 51.00 mm
• Marechal Floriano - 50.80 mm
• Castelo - 49.12 mm
• João Neiva - 45.04 mm
• Vitória - 44.13 mm
• Vargem Alta - 43.40 mm

RISCO ALTO DE INUNDAÇÃO

Ainda de acordo com o relatório da Defesa Civil, alguns municípios estão com alertas vigentes para risco alto de inundação (Rio Novo do Sul e Santa Leopoldina), e risco alto para movimento de massa (Rio Novo do Sul e Alfredo Chaves).

RIO NOVO DO SUL

Cidade com o maior acumulado de chuva, Rio Novo do Sul registrou prejuízos já durante a madrugada. De acordo com informações da TV Gazeta Sul, foram oito quedas de barreiras e há comunidades ilhadas por conta da obstrução de estradas. Propriedades na área rural foram tomadas pela água. Em um vídeo gravado na madrugada, é possível ver o nível de água bem elevado em alguns bairros da cidade.

ICONHA

Apesar de não aparecer na lista, o município de Iconha foi um dos mais afetados pela chuva. O município faz limite com Rio Novo do Sul e Alfredo Chaves, os dois mais atingidos e, por isso, teve o nível de água do rio da cidade muito elevado. Ainda nesta quinta-feira (30), vários alagamentos foram registrados. Em um comunicado emitido no fim da noite desta quinta, a prefeitura fez um alerta para os moradores por meio das redes sociais, falando sobre a cheia do Rio Iconha e o risco de alagamentos e deslizamentos de terra na cidade.

“Informamos que o Rio Iconha segue enchendo e a chuva persiste pelo interior. Há riscos de alagamentos e deslizamentos de terra. Pedimos a todos que busquem locais seguros e, dentro de qualquer necessidade de emergência, procure a Defesa Civil! Em caso de alerta máximo, os sinos da Igreja soarão como um chamado, para que as pessoas se protejam! #IconhaEmAlerta”, dizia o texto da publicação feita na página oficial da prefeitura.

Na manhã desta sexta (31), já com a trégua da chuva, foi possível ver os reflexos causados. Em alguns bairros, o nível da água subiu muito. Na região central da cidade, alguns moradores se arriscavam andando pela rua com a água na altura da cintura
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »