23/07/2020 às 10h11min - Atualizada em 23/07/2020 às 10h11min

Enfermeiro é preso pela Polícia Civil por cobrar R$ 12 mil para marcar cirurgia de idosa no SUS

Operação CashSUS foi deflagrada nesta quarta-feira (22) em São João Evangelista (MG) para apurar venda de vagas em hospital da cidade.

Fonte G1
Um homem de 36 anos foi preso em São João Evangelista (MG) nesta quarta-feira (22) durante a operação CashSUS, deflagrada pela Polícia Civil para apurar venda de vagas para realização de cirurgia no hospital da cidade.

Segundo a PC, o investigado é um enfermeiro que teria exigido R$ 12 mil de uma paciente de 88 anos para marcar cirurgia ortopédica. Ele alegou que o valor seria destinado a um gestor de vagas.

Porém, as investigações da PC apontaram que o próprio investigado se passava pelo suposto gestor de vagas. Ele utilizava perfil falso em um aplicativo de mensagens com número de outro estado para exigir o pagamento.

De acordo com o delegado Luiz Jardim, o investigado vai responder pelo crime de concussão, que possui pena máxima de 12 anos, mas que poderá ser agravado se for comprovada a existência de outras vítimas. As investigações vão continuar.

A PC informou que o nome da operação faz referência ao fato de que o serviço prestado pelo SUS, que é gratuito, estava sendo comercializado, pois o investigado se aproveitava da vulnerabilidade das pessoas que procuravam atendimento.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »