19/09/2019 às 09h40min - Atualizada em 19/09/2019 às 09h40min

Listas da CBF podem desfalcar até 10 times na Série A; Tite deve chamar apenas um por clube brasileiro

Seleção principal e pré-olímpica têm amistosos marcados entre 10 e 14 de outubro. Mundial sub-17, com Talles (Vasco) e Reinier (Flamengo), afasta dupla em até 11 rodadas do Brasileiro

Fonte Globo Esporte
Foto CBF TV

A CBF tem agenda cheia na sexta-feira, com as convocações para o Mundial sub-17 e para amistosos da seleção pré-olímpica e da principal. Somadas às possibilidades das listas, de acordo com as últimas convocações e com as projeções para o chamado desta sexta, até 10 clubes da Série A podem ser envolvidos nos chamados - com cerca de 15 atletas com boas chances de serem lembrados e desfalcarem suas equipes no mínimo por duas rodadas no Campeonato Brasileiro.

Na última lista de Tite - nos amistosos de setembro com a Colômbia (2 a 2) e Peru (1 a 0 para os peruanos) - foram lembrados os goleiros Weverton, do Palmeiras, e Ivan, da Ponte Preta, mais os laterais Daniel Alves, do São Paulo, Fagner, do Corinthians, e Jorge, do Santos. Além do atacante Bruno Henrique, do Flamengo. Todos, com exceção de Ivan, que faz parte de rodízio de goleiro com idade sub-23, têm chances de voltarem à lista de Tite.

Everton, artilheiro da Copa América, é esperado na lista de Tite na próxima sexta-feira. Brasil enfrenta Senegal e Nigéria em outubro — Foto: BP Filmes

Everton, artilheiro da Copa América, é esperado na lista de Tite na próxima sexta-feira. Brasil enfrenta Senegal e Nigéria em outubro — Foto: BP Filmes

Isto porque a comissão técnica da seleção não vai deixar de convocar atletas que atuam no futebol brasileiro - como fez no caso de Everton, do Grêmio, destaque da Copa América, mas com a fase final da Copa do Brasil à época, mas agora cotadíssimo para retornar. Além de Cebolinha, Bruno Guimarães, do Athletico, é um dos nomes com boa chance de aparecer entre os 23 convocados por Tite. Seria a primeira convocação do meia do time paranaense.

O critério de Tite e sua comissão técnica, porém, deve seguir padrão das últimas convocações: apenas um jogador por clube brasileiro na lista da seleção principal.

Os convocados vão perder jogos das rodadas 24 e 25 - dias 9 e 10 de outubro e 12 e 13 de outubro, respectivamente. O Brasil enfrenta em jogos amistosos Senegal e Nigéria dias 10 e 13 de outubro, em Cingapura, na Ásia.

Lista sub-23

Entre os convocados por André Jardine, nos amistosos de setembro, há nove jogadores que atuam no país - o décimo era Arthur Cabral, que foi emprestado pelo Palmeiras ao Basel, da Suíça. O goleiro Cleiton e o lateral Guga, do Atlético-MG, o lateral Abner, do Athletico, chamado para a vaga de Renan Lodi, não liberado pelo Atlético de Madrid (ESP). O goleiro Lucão, do Vasco, o zagueiro Walce e o atacante Antony, do São Paulo, os meia Allan, do Fluminense, e Pedrinho, do Corinthians, e o atacante Arthur, do Bahia.

Desses, apenas o são-paulino Walce (três jogos no Brasileiro 2019) e o vascaíno Lucão (sem jogo no profissional) não atuam com regularidade em suas equipes principais. Na última convocação, o coordenador da base da CBF, Branco, disse que evitariam chamar dois por clube brasileiro - quando fosse o caso, apenas um entre os possíveis titulares de suas equipes.

Artur em ação contra o Flamengo na Arena Fonte Nova: jogador do Bahia deve voltar à lista de Jardine — Foto: Felipe Oliveira/Divulgação/EC Bahia

Artur em ação contra o Flamengo na Arena Fonte Nova: jogador do Bahia deve voltar à lista de Jardine — Foto: Felipe Oliveira/Divulgação/EC Bahia

 

Problema à vista na sub-17

Com apresentação prevista para início de outubro - provavelmente no dia 4, na Granja Comary -, a seleção sub-17 será convocada pelo técnico Guilherme Dalla Dea no início da coletiva de imprensa de sexta-feira. Vasco e Flamengo acompanham com atenção a lista e já sabem que terão os desfalques importantes de Talles e Reinier. Pior para os vascaínos que perderão Talles, titular absoluto, por até 11 rodadas, caso eles se apresentem logo dia 4 de outubro.

Os dois cariocas entraram com ações no STJD para se resguardar da utilização dos dois jogadores em período de convocações anteriores. A disputa do Mundial sub-17, que será realizado em Goiânia (GO), Brasília (DF) e em Cariacica (ES), vai da última semana de outubro a 17 de novembro - com o início dos treinos na Granja, desfalcaria suas equipes da rodada 23 até a rodada 33.

Quando saem as convocações?

Na sexta-feira, pela manhã, Guilherme Dalla Dea convoca o time sub-17 para o Mundial da categoria. Depois, Tite e André Jardine chamam os atletas para a seleção principal e para a pré-olímpica.

Quando as seleções atuam?

A sub-17 disputa o Mundial de 26 de outubro até 17 de novembro, caso avance até as finais - com a preparação do início de outubro, podem desfalcar equipes por até 11 rodadas. O time de Tite joga dia 10 de outubro contra Senegal e a Nigéria, dia 13, em Cingapura. O sub-23 enfrenta em Recife as seleções da Venezuela e do Japão, dias 10 e 14, respectivamente.

Quais clubes podem perdem jogadores?

Atlético-MG: Cleiton e Guga, para a seleção pré-olímpica.

Athletico (PR): Abner, seleção pré-olímpica. Possibilidade de Bruno Guimarães até para a principal de Tite.

Bahia: Artur, para a pré-olímpica.

Corinthians: Fagner, para a principal, e Pedrinho, pré-olímpica.

Grêmio: Everton, para a principal.

Flamengo: com mais de um cotado por Tite, pode perder Bruno Henrique novamente para a seleção principal. Além disso, tem Reinier no Mundial sub-17.

Fluminense: Allan, para a pré-olímpica, de onde voltou lesionado na última convocação.

Santos: Jorge, caso venha a ser convocado novamente por Tite.

São Paulo: Daniel Alves deve ser chamado novamente por Tite. O Tricolor Paulista também pode perder Walce e Antony para a sub-23.

Vasco: Talles, para a sub-17, e Lucão, na sub-23, são possíveis convocações.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale com o Portal
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp