10/01/2017 às 14h09min - Atualizada em 10/01/2017 às 14h09min

Para-brisas de carros poderão mostrar propagandas em até dois anos

Fonte Olhar Digital

No futuro dos carros conectados, será possível utilizar os para-brisas dos veículos para ver uma série de informações. Carros autônomos poderão usar esse espaço para mostrar filmes, séries e vídeos aos passageiros, enquanto carros com pilotos humanos poderão projetar informações como velocidade e RPM do carro no vidro.

Nos dois casos, porém, é provável que o para-brisa também seja usado para mostrar propagandas.

De acordo com a Bloomberg, empresas de venda de espaço publicitário já estão "batalhando" pelo espaço nos para-brisas dos carros conectados. A empresa de consultoria McKinsey & Co. estima que esse mercado pode chegar a movimentar até US$ 1,5 trilhão até 2030. Boa parte desse valor vai para propagandas projetadas diretamente aos olhos dos passageiros de carros autônomos

A empresa dá um exemplo: um motorista que esteja ficando sem gasolina pode ver um alerta que se oferece para achar um posto nas proximidades. Caso aceite, a pessoa pode ver uma propaganda para um posto de gasolina próximo no qual ela pode ganhar uma xícara de café. Como o carro terá acesso aos hábitos de consumo do motorista, as propagandas poderão ser melhor direcionadas.

A próxima fronteira

A Corning, empresa que fabrica os vidros usados no iPhone, está começando a vender esse mesmo material para fabricantes de automóvel, ainda segundo a Bloomberg. A ideia é que o para-brisa funcione como uma tela sobre a qual imagens - incluindo anúncios - possam ser projetadas. Além disso, a resistência elevada e a espessura reduzida dos vidros também beneficiariam os carros.

Jeff Everson, o chefe de tecnologia da Corning, diz que a empresa está "deixando os carros muito mais ativos como preparação para esse tipo de coisa". Em entrevista ao site, ele disse acreditar que os anúncios no para-brisa "podem estar aqui em menos de dois anos".

De fato, durante a CES 2017, diversas fabricantes de automóveis anunciaram parcerias com empresas de tecnologia para tornar seus carros mais inteligentes. A Microsoft, por exemplo, se comprometeu a levar sua assistente virtual Cortana para carros da Nissan e da BMW.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »