08/01/2017 às 14h49min - Atualizada em 08/01/2017 às 14h49min

Corpo de Bombeiros alerta para os riscos de afogamentos no Vale do Aço

Fonte Aconteceu no Vale

Quatro pessoas morreram vítimas de afogamento nos primeiros dias deste ano no Vale do Aço. Em 2016, foram registradas 24 ocorrências desta natureza, os dados foram divulgados pelo Corpo de Bombeiros de Ipatinga. Neste ano, morreram um adolescente, de 16, dois irmãos de 14 e 18, e um homem de 39; as ocorrências foram em Bugre e Caratinga.

Para evitar acidentes, os bombeiros alertam os usuários para procurarem locais onde exista a presença de guarda-vidas ou bombeiros militar, além de respeitar placas de advertência.

“Quando o banhista escolhe um lugar que não há prevenção, já é o primeiro indicativo que ele está sendo imprudente. É importante escolher um local próximo aos guarda-vidas e sempre procurar permanecer próximo à margem da lagoa”, disse o Tenente Aldair Franco.

Além da lagoa, ele destacou que os banhistas devem ficar atentos ao nadar em rios porque tem armadilhas que podem passar despercebidas. “O rio tem correntezas fortes, locais em que o curso da água muda”, advertiu.

Outra preocupação dos bombeiros, são com as crianças, segundo o militar é preciso redobrar a atenção. “Muitas crianças desaparecem durante brincadeiras. Elas se distraem, saem da área segura e vão para a área perigosa. Os amigos e familiares não podem se esquecer dos cuidados”, explicou.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »